Twitter apaga publicação com ameaça a jornalistas durante protestos em Manaus

O Twitter apagou uma publicação que ameaçava jornalistas de Manaus que fossem cobrir a manifestação de bolsonaristas, nesta quarta-feira (02), feriado do Dia dos Finados, em frente ao Comando Militar da Amazônia (CMA), na zona Oeste da capital amazonense.

“A ordem é a seguinte: Se algum representante, seja da Rede Amazônica, seja da CNN, chegar no âmbito do Comando Militar da Amazônia por ocasião do nosso ato, quebre ele. Nada de morte ou algo que manche nosso ato, por favor. Apenas aleije, invalide, no máximo”, escreveu Thiago Farias.

A plataforma afirmou que o conteúdo foi “retirado do site por violação das diretrizes” por conter “discurso de ameaças de violência propagação de ódio”.